As 5 melhores ferramentas para automatizar processos

Um dos desafios mais importantes para o desenvolvimento econômico é a automação de processos. É também um dos pilares da chamada Revolução Industrial 4.0, pois se refere à capacidade de um sistema tecnológico de executar uma série de tarefas originalmente desempenhadas por seres humanos.

Transformando a cena industrial

Parte da Tecnologia da Informação (TI), a automação de processos pode ser entendida como um conjunto de ferramentas que permite controlar, corrigir e visualizar o estado de diversas tarefas e fluxos de trabalho, além de gerar relatórios específicos de todo um processo de produção.

Essas características fazem da automação de processos uma grande aliada das empresas, facilitando a produtividade. A sua utilização permite o investimento do talento humano em atividades onde seja possível explorá-lo na sua verdadeira dimensão para obter o seu melhor desempenho, ao mesmo tempo que identifica áreas onde existe margem para reduzir custos e melhorar os resultados das empresas com soluções de operação automatizada.

Essa mecanização também possibilita o feedback. Portanto, o sistema regula-se a si mesmo, pelo qual cada resultado influencia também no processo em si, integrando-o e modificando-o. Sob certas restrições pré-configuradas e sem intervenção humana, o sistema avalia, compara e faz ajustes e correções em tempo real.

Também é possível programar a automação de processos para que seja executada a qualquer momento com antecedência, dependendo do resultado de processos anteriores ou de alguns fatores. Essa versatilidade permite planejar tarefas no futuro, e justamente por isso a automação é um elemento chave para melhorar a produtividade e o desempenho de uma empresa.

Vantagens da automação de processos

O compromisso com a automação de processos é um investimento que gera uma série de benefícios:

– Mais competitividade – ao mecanizar certas áreas, os níveis de operabilidade e confiabilidade são aumentados, dando uma posição vantajosa em relação aos seus concorrentes.

– Redução de custos operacionais – aumentando a agilidade e confiabilidade na execução das tarefas relacionadas ao suporte e desenvolvimento.

– Continuidade de processo – permite que os sistemas operem sem interrupções, fator considerado de alto valor para os departamentos de TI e informáticos. 

– Melhor análise – por ter a possibilidade de contar com o apoio da tecnologia, permite observar as diferentes variáveis, rever parâmetros sensíveis e tomar melhores decisões.

– Aumento da eficiência e produtividade – eliminando a execução de scripts manuais que podem estar sujeitos a erro humano.

– Visibilidade e controle – em cada etapa da obra, oferecendo relatórios sobre o andamento dos processos concluídos, o que está em andamento e o futuro.

– Implementação versátil – permitindo ativação física ou na nuvem, o que aumenta as possibilidades de gerenciamento e controle de processos.

– Pontualidade – na entrega de fluxos de trabalho que podem ser planejados e coordenados de forma mais eficaz.

– Redução de incidentes indesejados – por meio da redução de imprevistos e falhas na cadeia produtiva.

Ferramentas que estão em alta

Dada a grande quantidade de benefícios e vantagens que a automação oferece, há uma série de ferramentas que se destacam como as melhores aliadas das empresas, facilitando a atuação profissional e o desempenho no trabalho.

Com elas é possível automatizar tarefas de execução, conectar e coordenar aplicações, realizar testes de diversos tipos em um site, medir e comparar esses resultados. 

Selecionamos cinco ferramentas de destaque para automatizar processos e as apresentamos a seguir com uma descrição de suas funcionalidades:

WorkProject

Se você precisa gerenciar projetos, o WorkProject é uma solução que permite registrar automaticamente o tempo que você investe em cada um deles. Esta ferramenta permite:

– registrar toda a atividade realizada por meio de um dispositivo (computador, tablet ou celular)

– filtrar esta atividade por departamentos, funcionários e datas.

– visualizar instantaneamente os custos, margens e benefícios dedicados a cada um dos projetos.

-automatizar um grande número de tarefas relacionadas ao gerenciamento de projetos, o que pode aliviar os gerentes de projeto e gerentes de uma grande carga de trabalho.

-possui muitas outras funcionalidades, como um sistema de regras para automatizar um registro detalhado de atividades, previsões, editor de atividades e gráfico de Gantt.

-tem uma versão de teste gratuita.

UiPath

Pensado para automatizar qualquer aplicativo web ou desktop, o UiPath é um RPA (Robotic Process Automation, em inglês). Suas características incluem: a capacidade de projetar, desenvolver e controlar uma força de trabalho robótica completa que imita os trabalhadores.

-gestão de tarefas baseada em regras, além de liberar a equipe da rotina diária de trabalho repetitivo.

– gerenciamento de mudanças e desenvolvimento, controle de acesso, modelagem de processos, execução e programação remotas, monitoramento de tarefas executadas, auditoria e análises em total conformidade com a segurança empresarial e as boas práticas governamentais.

-um fluxo de trabalho baseado em funções de arrastar e soltar, muito amigável e que requer um baixo nível de conhecimento de internet para novos cenários.

-plataforma totalmente grátis.

Zapier

Listado entre as ferramentas que lideram o mercado de automação de tarefas, Zapier se destaca por:

-ter um papel central, podendo conectar mais de 2000 aplicativos que podem ser integrados nele.

-é considerada uma das mais recomendadas e uma das primeiras opções que devem ser levadas em consideração quando se trata de começar a automatizar tarefas e processos.

Microsoft Power Automate

Lançado em 2016 pela gigante da tecnologia Microsoft, o Flow surge em resposta às ferramentas de automação e conexão para aplicações web como o Zapier. Permite:

– integrar até 83 aplicativos diferentes, mas ainda em crescimento.

– Se você é usuário do Outlook e costuma usar a plataforma de produtos Microsoft, o Flow é uma ótima opção.

Selenium

Selenium é um dos softwares de código aberto mais popular quando se trata de automatizar processos. Entre suas principais características estão:

-é usado para vários aplicativos e plataformas da web, como Windows, Mac e Linux.

-ser um ambiente de trabalho para testadores de automação web, especialmente aqueles com habilidades avançadas de programação e script, seus scripts podem ser escritos em diferentes linguagens de programação, como Java, PHP, Python, C #, Groovy, Ruby e Perl.

-tem grande flexibilidade e vários níveis de complexidade.

Watir

É uma biblioteca Ruby de código aberto. Além disso, é uma ferramenta de teste desenvolvida em C # para automatizar testes em um site. Outras qualidades de Watir são:

-compatibilidade com uma ampla variedade de navegadores, incluindo Firefox, Opera, IE e navegador sem cabeça.

-também funciona com HTML e AJAX, além de ferramentas como RSpec, Cucumber e Test / Unit.

Outros aspectos a considerar

Quando se trata de definir uma ferramenta para automatizar processos, as demandas, necessidades e expectativas são sempre elevadas. Normalmente, o investimento também é um tema delicado, e por isso é aconselhável recolher o máximo de informação possível, tendo objetivos claros e um ponto de partida em termos de recursos humanos e técnicos.

Também é fundamental ter clareza sobre a evolução estratégica que a empresa vai apresentar em termos de infraestrutura. Outros aspectos muito importantes são os aplicativos e a organização existente antes de escolher uma solução específica para os interesses de uma organização.

O mercado possui uma grande diversidade de soluções para implementação de automação de processos de TI. Portanto, outra chave é ter o conselho adequado para levar a cabo um processo bem sucedido neste assunto.

Uma dica importante para implementar uma ferramenta desse tipo com os mais elevados padrões é garantir que o provedor escolhido ofereça suporte e confiabilidade em relação à capacidade do novo sistema de se integrar à tecnologia já instalada na empresa.

Isso requer um exercício abrangente de coleta de informações, que permite estabelecer se esse novo parceiro oferece a tecnologia necessária para migrar seus dados e fluxos de trabalho de forma confiável, segura e precisa.

Por fim, é importante definir se a referida solução oferece versatilidade e capacidade de adaptação às necessidades específicas da empresa, bem como ao modelo de desenvolvimento e crescimento que se projeta para ela a médio e longo prazo.

Digitalize ordens de serviço usando um aplicativo inteligente para tarefas de instalação e manutenção.

DataScope é uma plataforma fácil de implementar e que ajuda a digitalizar processos como ordens de serviço das empresas. Beneficie-se da transformação digital e ganhe tempo: obtenha equipes eficientes em campo, mantenha todos os seus dados centralizados e gere relatórios abrangentes.

Assuma o controle de suas ordens de serviço

Com a plataforma nº 1 para digitalizar tarefas

Você pode gostar também

Visite-nos e junte-se à Revolução Digital com DataScope

Aprenda a abandonar o papel hoje mesmo!

Sobre o autor

Antonio Frieser
Antonio Frieser

Compartilhe Em

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Gostou deste artigo?

Assine nosso boletim informativo e enviaremos conteúdo como este diretamente para o seu e-mail, uma vez por mês com todas as novidades.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Digitalize suas
Ordens de Serviço

Elimine a papelada, automatize seus processos e mantenha o controle de seus dados.